Imersão no discipulado acontece na 5ª Região Eclesiástica

O Imersão Regional no Discipulado da 5ª Região Eclesiástica, que reuniu mais de 100 participantes dos dias 21 a 23 de março no Centro Regional de Eventos, em São José do Rio Preto/SP, é resposta de oração para o corpo pastoral. O evento, que já está no seu terceiro ano de realização é, além de um espaço de inspiração e de motivação, um momento de alinhamento de princípios. “Nós queremos um discipulado centralizado em Jesus e em seu modelo, desejamos crescer em uma perspectiva cristocêntrica, que seja sólida, sem triunfalismo e com os princípios voltados para a unidade, comunhão, frutificação e plantação de igrejas”, afirma o Bispo Presidente da Região, Adonias Pereira do Lago.

A Pastora Priscila Faria, de Campo Grande/MS, relata: “no Imersão, além de nós entendermos a visão da igreja e experimentarmos o novo de Deus, temos um tempo de comunhão e de compartilhamento da vida da igreja, e também um tempo de avivamento que Deus traz para nós através da unidade da liderança desse grupo”.

Para o Pastor Jonathas Brito, de Votuporanga/SP, “o Imersão faz parte de um processo de crescimento muito importante, primeiro porque ouvimos a experiência de outros/as, absorvemos o que está acontecendo na realidade da vida deles/as e podemos adaptar para a nossa realidade da maneira que Deus está nos orientando. Também é importante porque temos um tempo de refrigério, de altar, em que não há a preocupação de estarmos pregando, recebendo. Então, como pastor, é para mim um tempo de estar na presença do Pai sem a necessidade de servir a alguém, ou seja, é o meu monte”.

A programação contou com momentos de ministrações, testemunhos e oficinas. Dentre os temas estavam consolidação, discipulado infantil, importância da oração, marcas de uma igreja contagiante, avivamento, como desenvolver a supervisão e como fazer a transição. O pastor José Ribeiro, de Valinhos/SP, ministrou na manhã de quinta-feira e relatou: “Participar do Imersão, para mim, está sendo bênção. Na noite anterior foi até difícil dormir, pois estava falando com Deus: o que é da Tua vontade para eu falar? Eu tenho muitos textos bíblicos para falar, mas o que o Senhor quer que eu fale? É isso que eu peço, que Ele me use para falar o que Ele quer na perspectiva do discipulado durante o Imersão”.

O Bispo Adonias acrescenta que “Essas imersões não são convocações episcopais. As pessoas são motivadas a participar e elas vêm porque julgam ser interessante para as igrejas, vêm porque querem aprender mais e se sentem motivadas a isso”. Esta é a expectativa da 5ª Região Eclesiástica nesse tempo: avivar e reformar a Igreja.

 Matéria originalmente publicada pelo Expositor Cristão.

 

Confira algumas fotos abaixo ou clique aqui.

Gostou desse artigo? Passe adiante!

Compartilhar no facebook
Compartilhar
Compartilhar no twitter
Compartilhar
Compartilhar no linkedin
Compartilhar
Compartilhar no pinterest
Compartilhar