Logotipo Igreja Metodista 5ª Região Eclesiástica

Reformar a nação, particularmente a Igreja, e espalhar a santidade bíblica por toda a terra”.

NOSSA MISSÃO

A missão de Deus no mundo é estabelecer o seu Reino. Participar da construção do Reino de Deus em nosso mundo, pelo Espírito Santo, constitui-se na tarefa evangelizante da Igreja (Cânones da Igreja Metodista 2002, p.78)

NOSSA ORGANIZAÇÃO

No Brasil, a Igreja Metodista organiza-se em 8 Regiões Eclesiásticas e 2 Regiões Missionárias: Remne – Região Missionária do Nordeste; e Rema – Região Missionária da Amazônia.

Cada uma dessas Regiões está sob a supervisão de um bispo ou bispa-presidente. As Regiões possuem distritos, que são grupos de igrejas próximas. As igrejas são conexionais, isto é, atuam em colaboração direta e sob a supervisão de um/a superintendente distrital. O bispo ou episcopisa coordena a vida administrativa e missionária da Região. As decisões são tomadas em concílios, reuniões representativas em que os membros da Igreja definem sua caminhada.

Os concílios podem ser locais (de cada igreja), distritais, regionais e nacionais. Atualmente, os concílios locais acontecem ordinariamente uma vez por ano e extraordinariamente quantas vezes for necessário; os distritais uma vez por ano; os regionais de dois em dois anos e o nacional a cada cinco anos.

Os bispos e bispas são eleitos para um mandato de cinco anos, nos concílios nacionais, podendo ou não ser reeleitos/as. A Igreja possui, em seu nível clérigo, duas categorias (a partir de critérios acadêmicos): ministério pastoral e ministério presbiteral. As mulheres participam de todas as instâncias da vida da Igreja, sendo que existem pastoras e bispas. Os/as pastores/as e presbíteros/as são nomeados pelo bispo ou bispa da Região e são itinerantes – podem mudar de igreja. Podemos resumir dizendo que a Igreja é conexional, sendo seu governo episcopal.

NOSSAS DOUTRINAS

A Igreja Metodista orienta-se pelos escritos de João Wesley (Sermões e Notas sobre a Bíblia), pela tradição da Reforma Protestante e do Metodismo Histórico e pelos mesmos documentos que regem o Metodismo Mundial. Em nossos Cânones (que são as leis que regem a Igreja), podem ser encontrados 25 artigos que expressam resumidamente nossas principais doutrinas. O modo de batismo da Igreja comumente é a aspersão, sendo que a Igreja batiza crianças, concedendo-lhes lugar privilegiado na vida e na missão metodistas, como, aliás, recomenda o próprio Cristo nos Evangelhos. Também a Santa Ceia é ministrada regularmente às crianças.

NOSSAS INSTITUIÇÕES E PARCERIAS

Atualmente no Brasil, a Igreja Metodista possui universidades, escolas de ensino fundamental e médio, além de diversas creches e instituições de atendimento a crianças vítimas de abandono ou violência. No aspecto teológico, possui seminários e faculdades de teologia para a formação pastoral e leiga. Também atua em parceria com organismos que lutam a favor da vida e desenvolve intensa atividade de cunho social e educativo. Possuímos parcerias com instituições de ensino no exterior e igrejas metodistas em diversos países para troca de experiências, investimento financeiro para projetos e atuação missionária, recebendo e enviando recursos e pessoas para tais realizações.

NOSSA SEDE NACIONAL

A Igreja Metodista possui uma sede administrativa nacional, na Av. Piassanguaba, 3031, São Paulo. Ali são desenvolvidas diversas atividades relacionadas com a produção de materiais para todas as áreas da Igreja (pastorais episcopais, materiais de educação cristã, editora, site na internet, etc), bem como as ações que visam à expansão da atuação metodista no Brasil.

NOSSAS IGREJAS LOCAIS

Temos diversas igrejas, espalhadas por todo o País. Elas se organizam na dinâmica de “Dons e Ministérios”, que busca integrar as pessoas à comunidade de fé em equipes (ministérios) que somem o potencial de cada pessoa às necessidades existentes no interior da comunidade metodista e no bairro ou cidade em que ela se localiza.

A Igreja valoriza intensamente o trabalho dos leigos e leigas (os membros da comunidade). Para se tornar membro, é preciso viver em comunidade, ter uma experiência pessoal com Cristo, conhecer e aceitar as doutrinas e normas da Igreja, ser ativo e dizimista. Isso acontece, geralmente, com a convivência da pessoa na Igreja e sua participação em classes especiais para novos membros. As Igrejas Metodistas promovem cultos dominicais e durante a semana, com estudos bíblicos, louvor, pregações. A Escola Dominical é um dos mais importantes espaços para a educação e formação das pessoas. Diversas igrejas locais atuam ainda em discipulado, utilizando a estratégia de células ou grupos pequenos para evangelismo e crescimento na fé.