Gratidão, desafio e promessa para seguir em frente

Graça e paz, irmãos e irmãs, discípulas e discípulos da 5ª RE. 

Com a graça e bondade de Deus, estamos realizando no final de novembro de 2019, o nosso 44º Concílio Regional. Este pretende ser um tempo de prestação de contas, avaliação da caminhada missionária, oração, reflexão, planejamento, alinhamento de visão e propósitos, visando a continuidade da missão que Deus confiou a cada metodista, cada igreja local, cada distrito de nossa área geográfica, que envolve o Mato Grosso do Sul, interior de São Paulo, Triângulo e Sul de Minas Gerais.


“Dêem graças em todas as circunstâncias, pois esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo Jesus” (1 Ts 5.18).


Deixo registrado aqui uma palavra de muita gratidão a todos os membros de nossas Igrejas, que foram fiéis e constantes em sua colaboração integral no dinamismo e desenvolvimento de nossas Igrejas locais. Sua fidelidade e constância no uso dos dons que o Espírito Santo te entregou para serem aplicados na Igreja e na missão, foram muito preciosos e não podem deixar de ser empenhados nestes objetivos, pois o serviço amoroso de cada um/a de nós faz a obra avançar para a Glória de Deus.
Sua fidelidade e generosidade em seus dízimos e ofertas, foram vitais para que sua igreja local, distrito e região pudessem cumprir com os compromissos missionários assumidos por todos/as nós. Sua disciplina de oração e intercessão a favor da Igreja e da missão com certeza foram como lenhas jogadas na fogueira, não deixou a missão parar e fez com que seguisse em frente. Não pare de orar, pois a oração é nossa casa de máquinas, de nossas vidas e da missão da Igreja. Sou grato a Deus pela lealdade e honra de leigos/as junto aos seus pastores e pastoras e igrejas locais.
Nossa gratidão a todos/as os/as metodistas e igrejas locais, que se envolveram na vivência séria e comprometida do discipulado, da evangelização como estilo de vida, acompanhados de um bom testemunho cristão, por terem uma vida de santidade e graça, sem a qual ninguém verá o Senhor. A atitude de obediência é a essência de nossa missão, bem como de submissão aos planejamentos aprovados em nossos concílios regionais; é a razão de termos avançado no propósito de ganhar vidas para Jesus; integrar pessoas em nossas igrejas locais; discipular todos/as que chegam em nossas comunidades, visando sua fundamentação na graça e na Palavra, e de enviar os discípulos e discípulas novos/as e antigos/as em missão no mundo que vivemos, em especial onde estamos inseridos.
Nossa gratidão aos pastores e pastoras, que durante este biênio, se entregaram na vida e missão de cada igreja local, sem se descuidar de si mesmos/as e de suas respectivas famílias. Sei que muitos/as gostariam de ter plantado mais sementes visando o crescimento (se Deus quiser, terão oportunidades de fazer o que fizeram e muito mais). Outros/as gostariam de ter colhido mais, fruto do labor de seu trabalho e igreja, mas a colheita veio abaixo do esperado. Com a graça de Deus, você vai continuar trabalhando muito e regando as sementes lançadas, e Ele dará o crescimento de 30, 60 e 100 por um.
Quem sabe alguns/mas ficaram apenas dentro de seus templos, fazendo um trabalho de manutenção, perderam membros, em vez de ganhar, dividiram, em vez de multiplicar. Aproveite a vida e oportunidade que Deus te dará, para buscar mudanças em sua vida, ministério
e missão.
O grande desafio que deixo para toda nossa 5ª RE, cada metodista e cada igreja local é outro, senão o mesmo deixado por Jesus Cristo a todos os seus seguidores e seguidoras, de todos os tempos.

Praticar sempre a Grande Comissão


O que fazer?
Pregar o Evangelho! E disse-lhes: “Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas” (Mc 16.15).
Para quê?
Para fazer discípulos/as! “Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo” (Mt 28.19)
Com que fazer?
Com o poder do Espírito Santo! “Eu lhes envio a promessa de meu Pai; mas fiquem na cidade até serem revestidos do poder do alto” (Lc 24.49)
Como fazer?Na dependência total de Deus! “De fato, já tínhamos sobre nós a sentença de morte, para que não confiássemos em nós mesmos, mas em Deus, que ressuscita os mortos” (2Co 1.9).
Onde fazer?“Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra” (At 1.8).
Deixo com todos os discípulos e discípulas que andam em obediência e submissão ao Senhor da Igreja, Jesus Cristo, esta poderosa promessa. “E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos” (Mt 28.20b).

Que a graça abundante de Deus Pai, se multiplique sobre nossas vidas e igrejas, a fim de que continuemos fiéis e dedicados/as na obra missionária confiada a cada um/a de nós. Há muita gente para ser amada e ganha para Jesus. Há muitas igrejas a serem plantadas em nossa região.

Que Deus renove sua unção e paixão em cada coração.

Com oração e carinho por todos vocês,


Bispo Adonias Pereira do Lago

Gostou desse artigo? Passe adiante!

Compartilhar no facebook
Compartilhar
Compartilhar no twitter
Compartilhar
Compartilhar no linkedin
Compartilhar
Compartilhar no pinterest
Compartilhar